terça-feira, 19 de setembro de 2017

Novidades na BECRE

Chegaram novidades à nossa Biblioteca...

Boas Leituras!






 




 

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Ler para Ser

A Biblioteca da Padre Francisco Soares
 deseja-te um excelente ano letivo
 com muitas e boas leituras!!!
 
 

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Contadores de Histíorias por um dia...

No âmbito da disciplina de Português, os alunos do 5º B elaboraram marionetas em diversos materiais e convidaram a turma do 2º A para virem à Biblioteca ouvir as suas histórias.
 
Assim, no dia 12 de junho, deram vida às suas marionetas e encantaram os colegas mais pequenos...
 




 

sexta-feira, 9 de junho de 2017

Dia Mundial da Criança - "O sapo encontra um amigo"

No dia 1 de junho, as turmas do 1º ano da nossa escola vieram à Biblioteca ouvir a história "O sapo encontra um amigo".

A educadora Cristina Andrade contou e encantou os mais pequenos!

Para o ano teremos mais histórias...





 

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Este livro é a minha cara

Mais uma vez os alunos participaram com entusiasmo no novo desafio proposto pela BECRE, sob o tema "Este livro é a minha cara".

Para os que gostam de ler é muito fácil identificar-se com um bom livro...

Desta vez, destacaram-se as alunas:

- Laura Ascher de Matos (5º G) com o texto sobre "A admirável aventura de Malala contada aos jovens"

- Leonor Joyce Moniz Pereira (7º F) com o texto sobre "O Diário de Anne Frank"

A todos os participantes, os nossos PARABÉNS!

 

terça-feira, 9 de maio de 2017

Entrevista - 25 de abril


Entrevista  à Dª. Maria do Carmo Alves, 62 anos (a minha avó)


Eu- Diga-me como era Portugal antes do 25 de abril.

Maria- Portugal antes do 25 de abril era um país fechado ao mundo, coberto de censura, pobre e atrasado.

Eu- Pode-me explicar melhor estes pontos que refere?
 
Maria- Sim. Fechado ao mundo quer dizer: devido a vivermos uma ditadura, Portugal não exportava nem importava qualquer produto, fosse ele bens alimentares ou qualquer outra coisa.

Em relação à censura o povo português não tinha direito ao voto, não existia liberdade de expressão, até nas roupas não se podia vestir o que queria (por exemplo: as mulheres não podiam vestir saias).

Referente à pobreza e ao atraso, Portugal era maioritariamente povoado de Camponeses e analfabetos.

Eu- Quando fala de censura a que se refere?

Maria- Por exemplo, nós praticamente só ouvíamos rádio porque não tínhamos televisão, só os mais ricos é que podiam comprar. As notícias que ouvíamos antes de serem relatadas, o governo da altura, primeiro tinha que autorizar que estas fossem divulgadas.

Nessa mesma época foi criada uma polícia especial do governo de nome P.I.D.E, (a população na altura até brincava com o nome e dizia vem aí a pevide).

A Pide era perigosa desde que começou a ter mais poder do que o governo, por vezes até mandava mais. Mas os mais perigosos ainda, eram os bufos, (pessoas que traíam os próprios amigos em seu benefício).
 
Eu- E nessa altura existiam escolas?

Maria- Sim existiam, mas nem todos iam à escola devido à pobreza, pois tinham que ajudar os pais nos campos e nas casas das senhoras. Só os mais ricos é que iam à escola e na escola eram rapazes de um lado e raparigas noutro.

Eu- Se Portugal não importava nem exportava produtos e bens essenciais, existia comida suficiente para todos?

Maria- Não, por falta de alimentos, o governo racionou a comida para que não houvesse fome. Assim, a cada família era dado um rácio para que tivessem que comer.

 
Trabalho elaborado por Ricardo Alves Santos Nº21 5ºF

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Oficinas Improváveis com Miguel Horta

No dia 4 de abril voltámos a contar com a presença de Miguel Horta, na nossa escola, para dinamizar a atividade "Oficinas Improváveis" no espaço da BECRE.

Estas Oficinas de mediação leitora dedicadas a alunos com necessidades educativas especiais fazem parte do Programa Pedagógico da Biblioteca Municipal.

Pretende-se com esta atividade fazer a exploração do recurso livro, através da oralidade e de jogos gráficos e sonoros.

Aqui ficam algumas imagens...